terça-feira, 22 de setembro de 2015

Deputado Fernando Furtado se retrata

Ligia Teixeira
 
Após a avalanche de reprovações, vindas inclusive de seu próprio partido – O PCdoB – o deputado em exercício, Fernando Furtado emitiu nota para se desculpar pelas palavras grosseiras dirigidas contra índios e gays.

Fernando Furtado alegou ter se deixado levar pelo calor do momento e pediu desculpas a todos os maranhenses.

As declarações de Furtado serviram para que a oposição sarneysista mirasse com toda carga contra o governador do Maranhão, Flávio Dino, ainda que o PCdoB tenha emitido nota exigindo retratação do parlamentar, ainda que o próprio governador tenha condenado veementemente a declaração, ainda que a conduta de Furtado contraste radicalmente com a história do PCdoB.

Veja a nota emitida pelo deputado Fernando Furtado:

Diante das matérias publicadas nos últimos dias na imprensa, obtidas através de um áudio feito em uma audiência pública realizada no município maranhense de São João do Carú, no dia 4 de julho onde fui convidado pela Associação de Produtores Rurais de São João do Caru – MA (Aprocaru), venho a público fazer uma retratação formal em relação aos indígenas, homossexuais, ao PCdoB e a todo o povo do Maranhão.

Gostaria de reforçar que em nenhum momento tive a intenção de denegrir a imagem do povo indígena que muito contribuiu para a formação do povo brasileiro, em especial do Maranhão.

Infelizmente, me deixei levar pelo calor do momento e acabei falando o que não condiz com o meu pensamento e minha formação.

Diante destes esclarecimentos reitero que o meu trabalho sempre foi a serviço da população maranhense, sem distinção de raça, gênero ou religião, sempre na defesa dos direitos de todos e à frente das lutas pela garantia da igualdade e dos direitos humanos, como prega o nosso partido PCdoB.

Eu, deputado Fernando Furtado e cidadão, reitero minhas sinceras desculpas a toda a população do nosso Estado.

Fernando Furtado Deputado Estadual – PCdoB

Nenhum comentário:

Postar um comentário