quinta-feira, 30 de abril de 2020

Briga por causa de máscara facial acaba em tragédia no Paraná

O uso obrigatório de máscaras para acesso a um hipermercado causou uma tragédia na cidade de Araucária, região metropolitana de Curitiba. Uma funcionária morreu com uma bala no pescoço disparada por um funcionário que tentava conter um cliente sem máscara

Morte em hipermercado
Morte em hipermercado (Foto: Reprodução)
247 - Uma confusão provocada por um cliente que se recusou a usar máscara para entrar em um hipermercado acabou em tragédia. O tumulto causou a morte de uma funcionária de um hipermercado de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, na tarde desta terça-feira (28).

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca que “um cliente do hipermercado tentava entrar no estabelecimento por volta das 15h30 sem usar o equipamento de proteção, mas foi impedido pelo segurança do local. Segundo o diretor-geral de segurança do município, Antonio dos Santos de Souza, o funcionário acabou atirando contra o cliente após ambos entrarem em luta corporal na porta do estabelecimento.”

A matéria ainda informa que “o tiro acertou o cliente na região abdominal e também o pescoço de uma funcionária de 45 anos do hipermercado, que não resistiu ao ferimento e morreu no local. O cliente foi atendido por uma ambulância do Siate e precisou ser levado de helicóptero da Polícia Militar para um hospital de Curitiba. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dele. O segurança do hipermercado por preso, segundo Souza.”

BARRA DO CORDA | Novo Decreto Municipal determina suspensão temporária de atividades não essenciais

O prefeito de Barra do Corda-MA, Eric Costa, assinou na noite de quarta-feira, 29 de abril de 2020, o Decreto Nº 097/2020, suspendendo temporariamente, a partir das 18h desta quinta-feira, 30 de abril até às 6h da segunda-feira 4 de maio de 2020, atividades e serviços não essenciais, como uma das medidas de prevenção e combate ao contágio do novo coronavírus.

Ficam suspensas temporariamente: Academias, Igrejas, Lojas de Móveis e Eletrodomésticos, Lojas de Calçados, Roupas e Confecções, Shopping do Camelô, Bares, Restaurantes, Lanchonetes, Centro Comerciais, Lojas em geral e estabelecimentos congêneres. 

Saiba mais no decreto abaixo:

Decreto Nº 097 de 29 de Abril de 2020




 
 
 


COVID-19: Prefeitura de Santa Rita adquire túnel de descontaminação



O prefeito Hilton Gonçalo tomou mais uma medida para combater o avanço do novo coronavírus em Santa Rita. O gestor municipal adquiriu com recursos do tesouro municipal, um túnel inflável de descontaminação do novo coronavírus da empresa Inflatech. A cabine vai ser instalada no Centro da cidade e as pessoas poderão utilizar a tecnologia do gás Ozônio, que minimiza o risco de contágio pelo coronavírus e por outros micro-organismos presentes na pele e nos objetos pessoais.

A tecnologia já vem sendo adotada na China e nos países desenvolvidos. No Brasil, o sistema adquirido pela Prefeitura de Santa Rita é o mesmo utilizado nas plataformas de petróleo da Petrobras, todos funcionários passam pelo túnel antes de embarcar para a plataforma. O Ministério da Saúde também passou adquirir unidades.

De acordo com o prefeito Hilton Gonçalo, o objetivo da compra do túnel de descontaminação é “acabar ou reduzir a contaminação cruzada. Ou seja, as pessoas que estão circulando na cidade, vão deixar de ser contaminantes, diminuindo ainda menos o risco, caso alguém esteja assintomático”, esclareceu.

O túnel tem 2,2 metros de comprimento, pode receber até oito pessoas simultaneamente. Esse túnel é antecipadamente preparado, passando por uma esterilização de uma hora. As pessoas que passam por esse túnel tem suas roupas, pele, objetos, cabelo e mãos descontaminados. Nesse túnel de dois metros, existem dois ozonizadores.

O sistema do túnel de descontaminação também promete descontaminar as vias aéreas respiratórias superiores. Vale lembrar que o ozônio é conhecido desde 1950 como um agente antimicrobiológico, principalmente o ozônio em gás. O ozônio é testado e mundialmente utilizado e aceito.

Do Gilberto Leda

BARRA DO CORDA: Prefeitura capacita profissionais em protocolos da COVID -19



A Prefeitura de Barra do Corda, por meio do Centro de Operações de Emergência – COE, promoveu nessa terça-feira (28), uma capacitação profissional em protocolos da COVID -19.

O curso foi realizado com 4 turmas de profissionais que trabalham na linha de frente no combate ao Coronavirus.

No encontro foram abordados temas como:

* Acondicionamento e uso racional dos EPI’s;
* Paramentação e desparamentação dos colaboradores; E uso e manuseio corretos dos ventiladores mecânicos na pandemia da COVID-19.

Ao todo 35 profissionais da área da saúde foram capacitados e serão agora multiplicadores dessa formação no município.

 
Assecom

quarta-feira, 29 de abril de 2020

COVID-19: Maranhão tem 3.190 casos confirmados e 184 mortes; 734 pessoas já estão recuperadas

 

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou na noite desta quarta-feira (29), novo boletim sobre a Covid-19 no Maranhão. Os casos confirmados subiram para 3.190. Aumentou também o número de pessoas recuperadas, que agora são 734.

O número de mortes nas últimas 24 horas diminuiu em relação ao dia anterior. Nos dados atuais registram que morreram 18 pessoas, enquanto que o boletim de ontem apontou 21 óbitos. O total de mortes por coronavirus é de 184.

Câmara Municipal de Barra do Corda realiza mais uma sessão remota

Foto: Ivan Silva
A Câmara Municipal de Barra do Corda se reuniu remotamente nesta terça-feira (27) para analisar proposições importantes em tempos da pandemia do novo coronavírus. Presidida pelo vereador Gil Lopes (PCdoB), a sessão contou com a participação de treze parlamentares.

O Projeto de Lei Nº 035/2020, de autoria do vereador Professor Jaile (Patriota), que dispõe sobre o Adicional de Insalubridade e Periculosidade Pública Municipal, foi uma das matérias da ordem do dia.

Outra matéria importante e de grande reforço na prevenção no combate ao coronavírus em nosso município, foi o Requerimento Nº 047/2020, do vereador Adriano Brandes (PCdoB). O edil sugere a prorrogação da suspensão das aulas por mais 15 dias, em consonância ao Decreto Nº 35.745 de 20 de Abril de 2020, do Governo do Estado do Maranhão.

Também foram apreciados e votados pareceres a projetos de lei. Parecer Nº 034/2020 referente ao projeto de lei de autoria do vereador Adriano Brandes, e outro de Nº 035/2020 que trata de projeto de lei de autoria do poder executivo.

Todas as matérias na pauta da ordem do dia foram aprovadas por unanimidade. 


Esta foi a segunda sessão remota da Câmara Municipal de Barra do Corda. Semana passada a primeira sessão aconteceu na quarta-feira (22), por conta do feriado.

Vírus vai atingir 70% da população, diz Bolsonaro

O presidente da República, Jair Bolsonaro, faz pronunciamento em Rede Nacional de Rádio e Televisão.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta terça-feira (28) que o novo coronavírus deve atingir 70% da população, ao comentar sobre o dia em que o país registrou recorde na notificação de óbitos pela doença em 24 horas, um total de 474.

"O vírus vai atingir 70% da população, infelizmente é uma realidade", previu o presidente em entrevista concedida na portaria do Palácio do Alvorada, residência oficial, onde parou para cumprimentar apoiadores. Ao ser questionado pela imprensa sobre os números, o presidente disse "lamento, quer que eu faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre, ninguém nunca negou que não vai haver mortes", acrescentou.

Segundo atualização do Ministério da Saúde divulgada mais cedo, o total de mortos pela covid-19 subiu para 5.017, aumento de 10,4%. O acréscimo mais alto até então havia sido na última quinta-feira (23), quando foram contabilizados 407. O Brasil chegou a 71.886 pessoas infectadas. Nas últimas 24 horas foram adicionadas às estatísticas mais 5.385 casos, aumento de 8,1% em relação a ontem, quando foram registradas 66.501 pessoas nessa condição. Foi o segundo maior número em um dia, perdendo apenas para o sábado (25), quando foram acrescidos 5.514 novos casos ao balanço.

Bolsonaro ainda comentou sobre os efeitos da pandemia nos empregos com carteira assinada. "A gente não sabe os números, Já está na casa de milhões de empregos formais", disse.

Agência Brasil

Famem distribuirá 75 toneladas de alimentos a municípios em situação de emergência


A Federação dos Municípios do Maranhão (Famem) recebeu, nesta terça-feira, 28, 75 toneladas de alimentos para distribuição em municípios maranhenses, nesta terça-feira (28). As cestas básicas foram entregues pela Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema), com o apoio do Sesi.

O presidente da Famem, Erlânio Xavier, explicou que os alimentos foram doados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) a pedido do senador Weverton (PDT-MA) e serão entregues para as populações afetadas pelas enchentes em pelo menos 20i cidades do Maranhão.

“Precisamos unir esforços para ajudar as pessoas que, por causa das chuvas e da pandemia, estão passando necessidade”, ressaltou Weverton.

“O pedido do senador Weverton foi muito importante. Esses alimentos irão atender as famílias necessitadas, que foram atingidas pelas enchentes e pelo coronavírus”, completou Erlânio Xavier.

As cestas básicas serão distribuídas para os municípios, a partir de sexta-feira (1). No total, mais de 7.484 mil pessoas serão beneficiadas.

“Este é um momento de união, de juntar forças para ajudar a população do estado. Enfrentamos dois problemas muito sérios: a pandemia e as enchentes. As pessoas, que vivem em uma situação mais vulnerável, precisam de apoio. A Fiema se sente na responsabilidade de ajudar neste momento difícil”, explicou Cesar Miranda, superintendente da Fiema.

Para o superintendente do Sesi no Maranhão, Diogo Lima, a parcerias são fundamentais em um momento em que as cidades maranhenses passam por dificuldades. "Este é um período em que as entidades precisam somar forças e demonstrar que seus esforços estão voltados para o atendimento da população. É importante cada um fazer a sua parte”, destacou Diogo Lima.

MA confirma 2.804 casos confirmados e 166 mortes por Covid-19; 600 pessos estão recuperadas


 

A secretaria de Estado da Saúde (SES), confirmou que o Maranhão tem 2.804 casos positivos de Covid-19. O número de mortes chegou a 166. O boletim da noite desta terça-feira (28), mostra que 600 pessoas estão curadas.

terça-feira, 28 de abril de 2020

Três bandidos morrem em confronto com policiais militares no Maranhão


Segundo as primeiras informações, três elementos da cidade de Bacabal morreram, na tarde de segunda-feira (27), em confronto com a Policia Militar em Santa Inês, no Maranhão.
Eles foram identificados por Taílson Sousa Rodrigue”, conhecido por “Boladão“, Celito Gomes Miranda”, conhecido por “Neguinho do Buriti” e sua companheira identificada por “Joyce”, todos tem uma vasta lista de crimes praticado em Bacabal , na região do Mearim.
De acordo com a polícia, os suspeitos estavam praticando vários assaltos na cidade e no momento da abordagem estariam em uma residência, quando os militares chegaram para averiguar a denúncia.
Ao serem recebidos a bala, os policiais militares se protegeram e revidaram ação dos criminosos, que terminaram sendo atingidos, não resistiram e foram a óbitos ainda no local.
Com informações do Blog do Sargento

Bolsonaro nomeia André Mendonça para a Justiça e Ramagem para comandar a Polícia Federal

Jair Bolsonaro, nomeou, nesta terça-feira (28), André Mendonça, que ocupava a Advocacia-Geral da União, para o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública, no lugar de Sérgio Moro. Em edição do Diário Oficial da União, também consta a nomeação do delegado da Polícia Federal Alexandre Ramagem para o cargo de diretor-geral da PF 

André Luiz de Almeida Mendonça é o novo ministro da Justiça e Segurança Pública
André Luiz de Almeida Mendonça é o novo ministro da Justiça e Segurança Pública
247 - Jair Bolsonaro nomeou para o lugar do ex-ministro Sergio Moro o Evangélico, André Mendonça, considerado extremamente leal. Anteriormente, o titular do Planalto tinha sinalizado que poderia ser indicado para ocupar uma vaga no STF. Ele era o advogado geral da União.

Bolsonaro foi obrigado a desistir da nomeação de Jorge Oliveira, ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, que era considerado o candidato mais forte à vaga do ex-juiz Sérgio Moro. Como Oliveira é amigo íntimo do clã Bolsonaro, sua nomeação para o Ministério da Justiça foi alvo de contestação política e seria questionada no STF. 

Alexandre Ramagem, delegado da Polícia Federal, pertence ao grupo de auxiliares de confiança do Planalto com o apoio do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), informa O Estado de S.Paulo.

Sua nomeação também está no alvo de críticas, porque caberá a Ramagem conduzir a Polícia Federal no momento em que a corporação investiga condutas ilícitas de Carlos e Eduardo Bolsonaro, filhos do titular do Palácio do Planalto. 

segunda-feira, 27 de abril de 2020

Maranhão registra 118 novos casos e 20 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

 

O boletim desta segunda-feira (27), da Secretaria de Estado da Saúde, mostra dados bastante preocupantes. Nas últimas 24 horas, o estado teve 118 novos casos confirmados e 20 óbitos por Covid-19.

Agora o número de infectados no Maranhão chegou a 2.528, com 145 mortes. Pessoas recuperadas já são 533. 

No estado são 62 municípios com casos confirmados do novo coronavírus.

 

COVID-19: Prefeitura de Barra do Corda realiza distribuição de máscaras para a população


A Prefeitura de Barra do Corda, realizou na manhã deste domingo (26), a distribuição de 5 mil máscaras de tecido na cidade.

A entrega aconteceu nos bairros Tresidela (Centro de Abastecimento) e na Altamira (Feira da Rodoviária). Essa é mais uma estratégia da gestão municipal de combate e prevenção ao novo Coronavírus.


Além de outras medidas já adotadas por decreto municipal, é importante lembrar que o uso de máscaras passou a ser obrigatório no município desde o dia 12 de Abril.

Embora a cidade não tenha registrado até o momento nenhum caso de Covid-19, é necessário que população continue fazendo sua parte, respeitando e seguindo as orientações sanitárias.


Assecom

Fifa propõe cinco substituições por time na retomada do futebol

Entidade que cuida de futebol criaria mudança temporária para ajudar maratona de partidas que devem ter na volta após pandemia de covid-19 

 

Fifa estuda propor cinco trocas em vez de três

Fifa estuda propor cinco trocas em vez de três

Phil Noble/Reuters

A Fifa está estudando maneiras de ajudar os clubes dentro de campo quando o futebol voltar às suas atividades depois da pandemia do novo coronavírus. A entidade propôs uma mudança temporária na regra das substituições para lidar com a provável maratona de jogos. A sugestão é que cada equipe possa fazer cinco trocas por partida, sendo duas no intervalo, em vez das tradicionais três.


A proposta da Fifa está sujeita à aprovação da International Board (IFAB, na sigla em inglês), órgão que faz a gestão das regras do esporte, que deve se reunir nos próximos meses.


A ideia da entidade máxima do futebol é amenizar os efeitos da parada provocada pela pandemia da covid-19 e do desgaste físico dos atletas no retorno, aliado a uma pequena pré-temporada.

"Quando as competições recomeçarem, o calendário estará sobrecarregado com uma frequência de jogos superior ao normal", afirmou um porta-voz da Fifa. "A segurança dos jogadores é a nossa prioridade e a carga de jogos poderá aumentar o número de lesões. Assim, perante o desafio que as ligas enfrentam, a Fifa propõe um maior número de substituições de forma temporária. Uma mudança adicional poderá ser usada em contexto de prolongamento", acrescentou.

Após a aprovação por parte da IFAB, ainda caberia a cada confederação nacional a decisão final de adotar a medida ou não. Para que as substituições não sejam utilizadas como forma de diminuir o tempo de bola rolando, elas deveriam ser feitas em, no máximo, três interrupções por cada time ou durante o intervalo.

Da Agência Estado

Popularidade de Moro em redes sociais aumenta após demissão

De acordo com pesquisa realizada pela consultoria Quaest, ex-ministro ganhou 196 mil seguidores no Instagram e outros 20 mil no Twitter; Bolsonaro acabou prejudicado por embate com ex-ministro da Justiça


O ex-ministro da Justiça Sergio Moro Foto: Jorge William / Agência O Globo
O ex-ministro da Justiça Sergio Moro Foto: Jorge William / Agência O Globo
Com a demissão do Ministério da Justiça, a popularidade do ex-juiz Sergio Moro nas redes sociais aumentou, de acordo com ranking da consultoria de dados Quaest, que monitora o alcance digital de líderes políticos. O resultado aproximou o ex-ministro do primeiro lugar, ocupado pelo presidente Jair Bolsonaro desde que o levantamento foi criado em janeiro de 2019.

A repercussão da saída de Moro acarretou uma perda inédita de seguidores ao presidente, acostumado a ter saldos positivos diariamente. Ao contrário, o ex-ministro da Justiça avançou em todas as suas redes. Entre quinta e sexta, quando surgiram as notícias de que deixaria o cargo, ele ganhou 196 mil novos seguidores no Instagram e quase 20 mil no Twitter.

Segundo Felipe Nunes, CEO da Quaest e professor de ciência política da Universidade Federal de Minas Gerais, Moro cresceu em engajamento, mobilização, fama e interesse. Os acessos ao verbete do ex-magistrado na Wikipédia são um exemplo. Foram 628 cliques na página na quarta-feira (22), 9.200 na quinta e 71.050 na sexta, data em que a demissão se confirmou.

O desempenho refletiu no Índice de Popularidade Digital (IPD) da Quaest, que atribui uma pontuação de 0 a 100 a partir de dados do Twitter, Facebook, Instagram, Youtube, Wikipedia e Google. O algoritmo leva em conta seis dimensões, que vão desde audiência e engajamento até interesse e proporção de reações positivas e negativas.

Ao anunciar sua saída do Ministério da Justiça, Moro alcançou 52,1 pontos - frente a 30,7 no dia anterior -, enquanto Bolsonaro registrou 75,8, abaixo dos 82,9 de quinta. A diferença entre eles na sexta foi de 23,7 pontos.

Ranking IPD Foto: Reprodução
Ranking IPD Foto: Reprodução
A tendência de alta do ex-ministro e de queda do presidente continuou no sábado (25), com uma aproximação ainda maior. Moro chegou a 55,3, enquanto Bolsonaro caiu para 70,3 — uma diferença de 15 pontos.

A consultoria também monitorou o desempenho de nomes como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o apresentador e pré-candidato à presidência Luciano Huck (sem partido) e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM), que ganhou protagonismo com a pandemia do coronavírus.

A saída de Mandetta, no último dia 16, resultou em uma situação similar à de Moro, conforme o levantamento. O ex-ministro da Saúde elevou sua popularidade e chegou a ficar a apenas 10 pontos atrás de Bolsonaro. A pesquisa notou que sua queda coincide com a ascensão de Moro, que concentrou a atenção da mídia.

"Moro estava em um viés de baixa e começou a subir no início da semana passada, chegando ao fim dela com seus indicadores mais altos na série histórica", afirma Nunes. "Na média, Moro não tinha pontuação relevante em nenhuma dimensão durante esta crise, exceto na de mobilização, que compreende o total de compartilhamentos de conteúdos", acrescentou.

Para o cientista político, as variações de Moro e Bolsonaro expõem uma pulverização da rede de apoio de ambos, que deve implicar uma racha na base política do presidente. Nunes acredita, no entanto, que o movimento não é definitivo e que Bolsonaro pode se recuperar para as eleições de 2022.

"Se ele conseguir fazer um governo de entregas, com poucas mortes na pandemia e com um plano de recuperação da economia, continua competitivo", afirmou o analista.

Já no caso de Moro, ele crê que o ex-ministro pode se projetar como uma alternativa anti-Bolsonaro e anti-Lula com o apoio da classe média.

Revista Época

BARRA DO CORDA | Prefeito Eric Costa decreta reabertura de Academias de Musculação e afins

Em decreto editado e publicado neste domingo (26), o prefeito de Barra do Corda, Eric Costa libera o funcionamento de Academias de Musculação e afins.

Durante a Live via Instagram, o prefeito reforçou orientações importantes quanto as normas para se evitar a propagação do novo coronavírus, como consta no decreto. 

Decreto Nº 093 de 26 de Abril de 2020:
 
 
 

domingo, 26 de abril de 2020

TRAGÉDIA NA BR-226: Três pessoas morrem em acidente próximo ao Povoado Copaíba entre Barra do Corda e Grajaú

 

Três pessoas morreram em um trágico acidente ocorrido na noite deste domingo (26), na BR-226, em uma ladeira na chegada do Povoado Copaíba, sentido Grajaú-Barra do Corda.

De acordo com informações colhidas pelo Blog Barrradocordanews, o veículo Strada de cor vermelha que vinha do Povoado Calumbí, se chocou na traseira de um caminhão na subida da ladeira. 

Três mulheres morreram, e os feridos foram encaminhados para hospital de Jenipapo dos Vieiras e de Barra do Corda.

MA registra 2.410 casos confirmados e 125 mortes por Covid-19; 463 pessoas estão recuperadas

Segundo dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), esta noite de domingo (26), o número de mortes nas últimas 24 horas superaram os do dia anterior. No boletim atualizado estão registrados 13 óbitos. O número de pessoas recuperadas subiu para 463. Os casos confirmados chegaram a 2.410. 




No Maranhão atualmente são 59 municípios com pessoas infectadas por Coronavirus.

Homenageado no Dia do Goleiro, Manga desabafa: "Só peço uma oportunidade para viver o resto de minha vida tranquilo"

Aos 83 anos, após longo período vivendo no Equador e passagem pelo Uruguai, ex-jogador da dupla Gre-Nal vai morar no Retiro dos Artistas


Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal
Manga está vivendo em um hotel em São Paulo até que possa seguir para o Retiro dos Artistas


As glórias de Manga fazem parte do passado. Homenageado com o decreto do Dia do Goleiro em seu aniversário, comemorado neste domingo (26), Haílton Corrêa de Arruda chega aos 83 anos de idade dependendo do auxílio de torcedores dos clubes por onde passou e de fãs do futebol. Nos próximos dias, ele se mudará para uma casa no Retiro dos Artistas, no Rio de Janeiro.


— Me "regalaram uma casita" e me deram uma oportunidade de viver o resto da minha vida com minha esposa Cecília. O que peço aos clubes que joguei é uma ajuda econômica. Não milionária, mas apenas para viver tranquilo no Rio de Janeiro, comprar remédios e comida — contou o próprio Manga, com seu tradicional portunhol, em entrevista à GaúchaZH.


O portunhol ainda é oriundo de sua passagem pelo Uruguai, e foi reforçado pelo período em que viveu no Equador, depois de se aposentar do futebol. Porém, de uns tempos para cá, teve de refazer os passos de sua carreira. Acometido de uma inflamação na próstata que o trazia dificuldades até mesmo para andar, o ex-goleiro foi acolhido pelo Nacional-URU e, em Montevidéu, realizou uma cirurgia.

— Fiquei quatro meses no Uruguai. Primeiro, em tratamento e exames médicos. Depois, me operei. Foi uma operação de 45 minutos. Os médicos eram torcedores do Nacional e se portaram muito bem com o Manga. Sempre fui uma figura muito querida pelos clubes que me contratavam — disse ele.

Recuperado, mas um pouco debilitado e frágil, voltou ao Equador com a esposa até ser encontrado pelo jornalista Marcelo Gomes, da ESPN. A ideia era levá-lo para assistir a um jogo do Botafogo, mas o ex-goleiro se emocionou e revelou que gostaria de morar de novamente no Brasil. 

— Não se pode mais entrar no Equador porque o negócio lá está muito feio. Não há avião para viajar. Então, decidi ficar no Rio de Janeiro. Espero que a situação melhore — comentou, referindo-se aos inúmeros casos de mortes que tornam o Equador um dos países mais afetados pela pandemia no continente americano.

Contatos feitos, o ator Stepan Nercessian, botafoguense roxo e presidente do Retiro dos Artistas, permitiu que Manga fosse o primeiro ex-jogador acolhido pela casa que, atualmente, abriga 47 pessoas. Desde então, ele aguarda que reformas sejam feitas no local, hospedado em um hotel, em São Paulo, com despesas totalmente custeadas. Além disso, está de quarentena para dar sequência à sua peregrinação.

— Fiquei muito tempo parado, ainda mais operado. Só peço uma oportunidade para eu viver o resto de minha vida tranquilo — completa o homenageado.

Agencia RBS / Agencia RBS
Manga fez história com a camisa colorada na década de 1970.

Gauchazh

Depois de espancar a mulher, homem recorre ao suicídio na Grande São Luís

O fato aconteceu na tarde de ontem, sábado (25), no Residencial Cidade Verde, em Paço do Lumiar depois que o homem espancou sua companheira.


A motivação do suicídio foi por causa da resistência da mulher em não querer mais manter o relacionamento  com seu companheiro. Por essa razão, ele a agrediu de manhã e no período da tarde voltou pra casa, pegou uma corda e se enforcou. O corpo foi levado ao IML para perícias.

Do Luís Cardoso

Jorge Oliveira, amigo de infância dos filhos de Bolsonaro, é o novo ministro da Justiça, diz CNN

O novo ministro assume o lugar de Sérgio Moro, que deixou o cargo na última sexta-feira, fazendo denúncias graves contra Bolsonaro

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

De acordo com informações da analista de política da CNN, Basília Rodrigues, neste domingo (26), o advogado e major da reserva da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Jorge Antônio de Oliveira Francisco, é novo Ministro da Justiça.

A jornalista recebeu, com exclusividade, a confirmação do nome do substituto.
O novo ministro é amigo de infância de Eduardo e Carlos Bolsonaro, que inclusive se hospedava com Francisco quando ia visitar o pai em Brasília.

Oliveira não queria aceitar o cargo, mas Bolsonaro o convenceu ao dizer que o comando da pasta se tratava de uma missão, disseram as fontes.

O novo ministro assume o lugar de Sérgio Moro, que deixou o cargo na última sexta-feira, fazendo denúncias graves contra Bolsonaro.

Revista Fórum

TRAGÉDIA: Homem mata ex-mulher, dois filhos e é morto em confronto com polícia no Maranhão



O homem identificado como Adeilson Barros, de 30 anos, matou a ex-companheira e os dois filhos menores, no início da noite desse sábado (25), na cidade de Palmeirândia, na Baixada Maranhense, a 113 km de São Luís.

O crime aconteceu por volta das 18h30 no povoado Vila Nova, na zona rural do município. Adeilson estava separado da esposa, Naize Martins Chagas, havia seis meses. O relacionamento entre ambos durou cerca de 4 anos.

Os filhos mortos foram identificados como Alan Chagas Barros, de 4 anos, e Fábio Júnior Martins Barros, de 2 anos.

Após a chacina, Adeilson ateou fogo na casa que a ex-companheira estava organizando e para onde ela se mudaria. Ele teria resolvido matar a mulher e os filhos porque não se conformava com o fim do relacionamento.

Enfurecido, Adeilson, de posse de uma espingarda e uma garruncha, ameaçava as pessoas que tentavam se aproximar do local.

Seis viaturas da PM foram ao local do crime, mas Adeilson não quis se entregar. Ao entrar em confronto com os policiais, ele foi alvejado e morreu.

Ambulâncias levaram os corpos para o hospital. O velório das três vítimas será realizado na igreja católica do povoado.

Informações de Daniel Santos

sábado, 25 de abril de 2020

COVID-19: MA registra 2.223 casos confirmados e 112 mortes; 307 pessoas estão curadas

 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), divulgou neste sábado (25), números da Covid-19 no MA. Os dados atuais são: 2.223 casos confirmados, com 112 óbitos, 307 pessoas recuperadas e ainda com 4.425 casos suspeitos.

Governador Flávio Dino reúne virtualmente gestores de saúde e discute novas estratégias para combater coronavírus





O governador Flávio Dino reuniu virtualmente, na manhã deste sábado (25), gestores de 21 unidades estaduais de saúde que são referência para o combate ao novo coronavírus (Covid-19) em todo o estado. Na oportunidade, foram discutidas novas estratégias, principalmente para as unidades que se encontram nas cidades do interior do estado.

Durante a reunião, os gestores das unidades e da Secretaria de Estado da Saúde (SES) apresentaram um panorama dos casos em cada região, bem como a oferta de leitos e profissionais para atender os possíveis novos casos da doença.

“Neste sábado, na reunião com os dirigentes dos hospitais e UPAs estaduais de referência para coronavírus, fizemos uma avaliação do crescimento de casos; da gravidade de muitos pacientes; da luta para ampliar mais leitos e para conseguir contratar mais profissionais”, informou o governador Flávio Dino.

O governador mostrou preocupação com o espalhamento da doença no estado e reforçou a necessidade da atuação conjunta da rede estadual com as redes municipais, principalmente no que diz respeito à atenção básica e à porta de entrada do paciente no sistema de saúde.

“Vivemos um momento de muitas dificuldades, temos que ouvir os gestores, principalmente os de São Luís, porque nesse momento têm uma experiência que acho útil de ser narrada para todos, uma experiência concreta de grande valia e que traz aprendizados”, declarou o governador. Atualmente, a ilha de São Luís possui 90% dos casos diagnosticados da doença.

Dividindo experiências

A reunião também serviu para que os gestores dividissem as ações excepcionais que montaram de acordo com a necessidade de suas unidades. Em Timon, por exemplo, os gestores do Hospital Regional criaram o Espaço Acalme-se, onde psicólogos atendem os profissionais da unidade que se encontram na linha de frente do atendimento aos pacientes de coronavírus.

PRESIDENTE DUTRA: Marido é suspeito de matar a esposa com punhalada no peito


O bárbaro crime de feminicídio aconteceu no povoado Mira Norte, localizado às margens da BR 135, próximo a cidade Presidente Dutra. O assassinato, conforme levantamento feito pela Polícia Militar, ocorreu na madrugado de hoje (25), por volta das 3h, contra a vida de Talia Elias de Carvalho, 25 anos, tendo como suspeito principal seu marido José Maria de Araújo Filho, de 31 anos.

Após o incidente criminoso esteve também presente no local membros do Conselho Tutelar, já que o casal tem dois filhos menores. Na apuração do fato, na casa do casal, onde o corpo de Talia estava sobre um colchão com uma perfuração no peito esquerdo, possivelmente efetuada por uma arma branca (faca), policiais encontraram uma espingarda e diversos cartuchos.

Todas as suspeitas recaem realmente para o crime de femínicídio, já que o suspeito não apresentou um argumento plausível de que ele não estaria envolvido na morte de sua esposa, mas somente teria afirmado de que ela teria cometido suicídio, hipótese prontamente descartada. Informações de terceiros dão conta de que um dos filhos do casal, ainda no local, teria confessado à polícia que o pai estava envolvido na morte de sua mãe.

Depois da suposta confissão do filho, foi dada voz de prisão a José Maria, que já se encontra recolhido na Delegacia Regional de Presidente Dutra para a confecção do flagrante. As investigações e todos os atos do feminicídio ficará a cargo da Polícia Civil, que também esteve no local fazendo os primeiros procedimentos investigativos. 

Do Blog do Lobão

Rachadinha de Flávio Bolsonaro financiou prédios ilegais da milícia no Rio, aponta MP

É o que mostram documentos sigilosos e dados levantados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro aos quais o Intercept teve acesso

(Alerj)


Flávio Bolsonaro financiou e lucrou com a construção ilegal de prédios erguidos pelas milícias usando dinheiro público. É o que mostram documentos sigilosos e dados levantados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro aos quais o Intercept teve acesso. A investigação preocupa a família Bolsonaro – os advogados do senador já pediram por nove vezes que o procedimento seja suspenso.

O investimento para as edificações levantadas por três construtoras foi feito com dinheiro de “rachadinha”, coletado no antigo gabinete de Flavio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio, como afirmam promotores e investigadores sob a condição de anonimato. O andamento das investigações que fecham o cerco contra o filho de Jair Bolsonaro é um dos motivos para que o presidente tenha pressionado o ex-ministro Sergio Moro pela troca do comando da Polícia Federal no Rio, que também investiga o caso, e em Brasília.

O inquérito do Ministério Público do Rio, que apura fatos de organização criminosa, lavagem de dinheiro e peculato (desvio de dinheiro público) pelo filho de Bolsonaro segue em sigilo. O Intercept teve acesso à íntegra da investigação. Os investigadores dizem que chegaram à conclusão com o cruzamento de informações bancárias de 86 pessoas suspeitas de envolvimento no esquema ilegal, que serviu para irrigar o ramo imobiliário da milícia. Os dados mostrariam que o hoje senador receberia o lucro do investimento dos prédios, de acordo com os investigadores, através de repasses feitos pelo ex-capitão do Bope Adriano da Nóbrega – executado em fevereiro – e pelo ex-assessor Fabrício Queiroz.

Leia o texto completo no The Intercept Brasil

Sergio Moro exibe troca de mensagens que complicam o presidente Bolsonaro

Jornal Nacional revelou troca de mensagens entre presidente e ministro, na qual Bolsonaro pede interferência na investigação de deputados aliados. Em outro diálogo, deputada Carla Zambelli sugere ao ex-ministro aceitar demissão de diretor da PF em troca de vaga no STF. Ele recusa.


Moro divulga mensagens que sugerem tentativa de influência de ...

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro exibiu nesta sexta-feira (24) à TV Globo uma troca de mensagens entre ele e o presidente Jair Bolsonaro, ocorrida nesta quinta (23), na qual Bolsonaro cobrou mudança no comando da Polícia Federal.

Mais cedo, nesta sexta, ao anunciar que havia decidido deixar o cargo, Moro afirmou que Bolsonaro tentou interferir politicamente na PF ao decidir demitir o agora ex-diretor-geral da corporação Maurício Valeixo.

Depois, também em pronunciamento, Bolsonaro afirmou que as declarações de Moro eram infundadas e que ele não havia tentado interferir na Polícia Federal.

Após o pronunciamento de Bolsonaro, a TV Globo cobrou de Moro provas de que as declarações tinham fundamento. O ex-ministro mostrou, então, a imagem de uma troca de mensagens entre ele e o presidente, ocorrida nesta quinta.

O contato é identificado por “presidente novíssimo”, indicando ser o número mais recente de Bolsonaro. A imagem mostra que o presidente enviou a Moro o link de uma reportagem do site “O Antagonista” segundo a qual a PF está “na cola” de dez a 12 deputados bolsonaristas.

O presidente, então, escreveu: “Mais um motivo para a troca”, se referindo à mudança na direção da Polícia Federal.
Sergio Moro respondeu ao presidente explicando que a investigação não tinha sido pedida pelo então diretor da PF, Maurício Valeixo. Moro enviou a mensagem: “Esse inquérito é conduzido pelo ministro Alexandre, no STF”, se referindo ao ministro Alexandre de Moraes.

Moro prossegue: “Diligências por ele determinadas, quebras por ele determinadas, buscas por ele determinadas”. E finaliza: “Conversamos em seguida, às 0900”, referindo-se ao encontro que os dois teriam.

Indicação para o Supremo


O Jornal Nacional também cobrou de Sergio Moro provas de que ele não havia condicionado a troca no comando da Polícia Federal à sua indicação para o Supremo Tribunal Federal, uma acusação feita pelo presidente Bolsonaro no pronunciamento.

O ex-ministro mostrou ao JN a imagem de uma troca de mensagens com a deputada federal Carla Zambelli (PSL), aliada de primeira hora de Bolsonaro. Ela, inclusive, estava nesta sexta ao lado do presidente durante o pronunciamento.

A deputada Carla Zambelli afirmou que não vai comentar a troca de mensagens.

Na troca de mensagens, Carla Zambelli diz: “Por favor, ministro, aceite o Ramage”, numa referência a Alexandre Ramagem, diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Ramagem é um dos candidatos de Jair Bolsonaro para a Direção-Geral da Polícia Federal.

Parte da deputada a proposta para que Sergio Moro aceite a mudança na PF em troca da nomeação dele para o Supremo Tribunal Federal.

“E vá em setembro pro STF”, enviou a deputada. “Eu me comprometo a ajudar”, acrescentou. “A fazer JB prometer”, completou.

Sergio Moro, então, rechaça a proposta: “Prezada, não estou à venda”.

Carla Zambelli, então, continua a argumentar: “Ministro, por favor, milhões de brasileiros vão se desfazer”.

Em seguida, ela responde à mensagem de Moro de que não estaria à venda. “Eu sei”, diz. “Por Deus, eu sei”, acrescenta.

“Se existe alguém que não está à verba é o senhor”. A palavra “verba”, neste caso, parece ser “venda”, com erro de digitação.

Moro finaliza a conversa dizendo: “Vamos aguardar, já há pessoas conversando lá”. Segundo o ex-ministro, era uma referência à tentativa de aliados de convencer o presidente a mudar de ideia.

Moro mostra mensagens em que Bolsonaro pede mudança na PF ...
JN mostra mensagens de Moro sobre STF: “não estou à venda” | EXAME
Moro apresentou no "JN" mensagens que provariam acusações contra ...
Sergio Moro exibe troca de mensagens em que Bolsonaro cobra ...
Moro mostra mensagem de Bolsonaro pressionando por troca na PF
Moro divulga conversa na qual Bolsonaro diz que investigação de ...
JN exibe suposta troca de mensagens de Moro com Bolsonaro

Fonte: G1