sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Capitão da seleção venezuelana de vôlei morre aos 25 anos de infarto


Kervin Piñerúa com a camisa da seleção venezuelana em torneio neste ano
Kervin Piñerúa com a camisa da seleção venezuelana em torneio neste ano
O vôlei está de luto.

Nesta sexta-feira, o jogador venezuelano Kervin Piñerúa morreu aos 25 anos na cidade de Afyonkarahisar, na Turquia, após sofrer um infarto, segundo a federação de vôlei de seu país (FVV).

O jovem oposto era o capitão e principal jogador da seleção vinotinto.

Ele chegou ao Afyon Belediye neste ano após passagens por SOS Villa María (ARG), Galatasaray (TUR), Pallavolo Matera (ITA), VK Prievidza (ESQ), Zahra Club (LIB) e Vikingos de Miranda (VEN) e atuou pela última vez com a camisa 10 no último dia 12.

"É lamentável a notícia que infelizmente devemos informar, nosso capitão perdeu a vida após sofrer um infarto na Turquia. O vôlei mundial está de luto!", escreve a FVV.

Reprodução
Jogadores celebram última vitória com Kervin Piñerúa (em primeiro plano)
Jogadores celebram última vitória com Kervin Piñerúa (em primeiro plano)
O clube e a federação turca lamentaram a morte e enviaram condolências à família. 
 
Kervin Piñerúa teve grande destaque na campanha da Venezuela no Mundial da Polônia, em 2014, quando anotou 92 pontos na primeira fase, o segundo no quesito.
"Me sinto muito orgulhoso de representar mais de 30 milhões de pessoas, tudo o que hacemos e deixamos de fazer é por Venezuela", escreveu no Twitter.

ESPN

Nenhum comentário:

Postar um comentário