quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Caso Ribamar Alves: Justiça torna sem efeito decisão da Câmara Municipal e determina posse imediata do vice-prefeito de Santa Inês

Nesta terça-feira (16), o juiz Alessandro Bandeira Figueiredo, da 1ª Vara da Comarca de Santa Inês, tornou sem efeito a decisão da Câmara de Vereadores que concedeu licença por um período de 30 dias para o prefeito Ribamar Alves, preso no CDP de Pedrinhas, para tratar de assuntos particulares. Na decisão, o magistrado determina a posse imediata do vice-prefeito, Edinaldo Alves Lima (PT).

Mesmo preso, Ribamar Alves administrava a prefeitura de dentro do presídio, onde está preso desde o dia 29 de janeiro.

O vice-prefeito estará tomando posse no cargo de prefeito a qualquer momento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário