terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Acusados de emboscada à equipe da TV Globo serão julgados em Brejo-MA


IMG-20160215-WA0006
Acusados

Nesta terça-feira (16), por volta das 15hs, acontecerá a audiência, na Comarca de Brejo, que julgará os acusados de armarem uma emboscada para roubarem as câmeras dos dois repórteres da Rede Globo de Televisão, do Programa Fantástico em 2014, na cidade de Anapurus. Na ocasião, os jornalistas estavam produzindo uma reportagem investigativa sobre desvio de verbas públicas no município.

Durante a audiência serão interrogados o policial militar Raimundo Silva Monteles “Tata”; secretário de Assistência Social, Manoel Francisco Monteles Neto “Zominha”; secretário de Finanças, Jairo Lisboa de Sousa, “Jairinho”; Agnaldo Henrique Alves “Risca faca”. Todos respondem Ação Penal por suposta prática de crime de roubo majorado.

ENTENDA O CASO

Os repórteres Eduardo Faustini e Luiz Cláudio Azevedo que investigavam denúncias de desvio de dinheiro público e a existência de um grande esquema de “obras fantasmas” e “empresas laranja”, que movimentavam mais de R$ 30 milhões nos municípios vizinhos de Mata Roma e Anapurus, foram surpreendidos no início da tarde de quinta-feira, 17 de julho de 2014, em uma churrascaria, onde almoçavam, na cidade de Anapurus, por ladrões que roubaram a câmara da equipe e em seguida fugiram em veículos.

Os quatro indiciados foram presos dias depois por suposta participação no crime e posteriormente soltos através de uma Habeas Corpus concedido pela Juíza Titular da comarca de Brejo, juíza Maria Conceição Privado Rêgo. O processo desde então tramita na Comarca de Brejo sobre o comando da magistrada.

Segundo testemunhas do crime que teriam identificado os acusados relataram: “Eles são envolvidos com política. Trabalham na prefeitura. São lá de dentro”.

IMG-20160215-WA0009-699x1024
Documento
IMG-20160215-WA0011-768x542


Neto Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário