quarta-feira, 8 de julho de 2015

Com 29 assinaturas, pedido de CPI da Saúde é protocolado na Assembleia; Andrea Murad esperneia

Ricardo Murad está no olho do
furacão da CPI da Saúde
A temperatura vai subir nos próximos dias na Assembleia Legislativa do Maranhão por conta da instalação da CPI da Saúde, que vai investigar a gestão do ex-deputado Ricardo Murad, de 2009 a 2014. 

Há suspeitas de desvios milionários em obras de hospitais. Um  deles, seria o 'hospital fantasma' da cidade de Rosário, onde há indícios de desvios de mais de R$ 4 milhões. Todas as obras dos hospitais do programa 'Saúde é Vida' também serão alvos de investigação.

O pedido de criação da CPI foi protocolado nesta terça-feira(8) pelos deputados Rafael Leitoa(PDT) e Fernando Furtado(PCdoB). A Comissão contou com mais uma assinatura antes de ser protocolada: do deputado Josimar de Maranhãozinho (PR), encerrando com 29 assinaturas.

Em tom de chantagem, a deputada Andrea Murad afirmou na tribuna que só iria se manifestar após o despacho do presidente Humberto Coutinho.

Confira os deputados que assinaram o pedido de CPI da Saúde:

Rafael Leitoa (PDT)
Fernando Furtado (PCdoB)
Othelino Neto (PCdoB)
Rogério Cafeteira (PSC)
Marco Aurélio (PCdoB)
Humberto Coutinho (PDT)
Eduardo Braide (PMN)
Glalbert Cutrim (PRB)
Ana do Gás (PRB)
Edson Araújo (PSL)
Carlinhos Florêncio (PHS)
Stênio Rezende (PRTB)
Rigo Telles (PV)
Zé Inácio (PT)
Ricardo Rios (PEN)
Fábio Macedo (PDT)
Paulo Neto (PSDC)
Raimundo Cutrim (PCdoB)
Valéria Macedo (PDT)
Vinicius Louro (PR)
Junior Verde (PRB)
Edvaldo Holanda (PTC)
Sérgio Frota (PSDB)
Fábio Braga (PT do B)
Francisca Primo (PT)
Welington do Curso (PPS)
Levi Pontes (SD)
Cabo Campos (PP)
Josimar de Maranhãozinho (PR)

Com informações de Clodoaldo Correa

Nenhum comentário:

Postar um comentário