domingo, 9 de dezembro de 2018

"NA CORDA BAMBA"!!! Prefeito de São Pedro dos Crentes está sendo investigado pelo Ministério Público

Ministério Público investiga Lahesio Rodrigues por suposto crime eleitoral e abuso de poder
A coisa não anda nada boa para o prefeito de São Pedro dos Crentes-MA, Lahesio Rodrigues do Bonfim (PSDB). O Blog Barradocordanews teve acesso a documento onde comprova que o Ministério Público está investigando o gestor por suspeita de prática de crime eleitoral cometido nas eleições de 7 de outubro de 2018.

O prefeito Lahesio Rodrigues tinha como seus candidatos, Roseana Sarney (governadora), Sarney Filho e Edson Lobão (senadores), Vitor Mendes (deputado federal) e Adriano Sarney (deputado estadual). Ocorre que, ele tinha plena convicção de que a eleitora Sra. Irene Coelho Barros Pinto, teria o traído ao votar em outro candidato para estadual, no caso, Rigo Teles. O chefe do executivo entrou em contato com a Sra. Zelda, que por sua vez, contactou sua irmã a Sra. Irene para lhe mostrar os áudios do prefeito dizendo que a mesma tinha votado contra. Ocorre que, Irene ainda não tinha votado. Em um trecho de uma das provas enviadas a este blogueiro Ivan Silva, é nítido o tom de desespero de Lahesio Rodrigues que diz "Se ela for votar e se conseguir votar de novo, vai com ela aí, se ela conseguir votar de novo aí eu que tô errado, eu vou pedir  perdão de joelhos".

Ao tomar conhecimento que a Sra. Irene Barros ainda não havia votado, o prefeito mandou que a Sra. Zelda a acompanhasse para votar, e na sessão de votação, a mesária Tânia Mendes que trabalha para o prefeito fez o registro de vídeo da votação da Sra. Irene Barros, que foi obrigada a votar nos candidatos do prefeito Lahesio Rodrigues.

Coagida, a  Sra. Irene procurou a mesária para obter o vídeo de sua votação. As provas mostram que não há a menor dúvida de que o prefeito de São Pedro dos Crentes, Lahesio Rodrigues do Bonfim tenha cometido crime eleitoral e abuso de poder.

Diante dos graves problemas, o complicado prefeito Lahesio visitou um Pastor na própria cidade de São Pedro dos Crentes, querendo saber  se o religioso continuaria sendo seu amigo caso venha a ser preso.


  DOCUMENTO DO MINISTÉRIO PÚBLICO:


Um comentário: