sábado, 23 de setembro de 2017

Polícia Civil apreende 3,6 toneladas de maconha em São José de Ribamar; carga está avaliada em R$ 5 milhões

Essa foi a maior apreensão do ano e a maior da história da Polícia Civil do Maranhão. Entorpecente estava escondido em caminhão baú em São José de Ribamar.Uma operação da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc) realizada nesta sexta-feira (22) resultou na apreensão de 3.684 toneladas de maconha no bairro Miritiua, em São José de Ribamar, município que compõe a Região Metropolitana de São Luís.
Quatro pessoas foram presas durante a ação que culminou na maior apreensão do ano. Entre os detidos estão o paraense Pablo Hernandes Ferreira, 33 anos; o piauiense Walt Rafael Sousa de Araújo, 33 anos; Rodrigo Alves de Oliveira, 32 anos, natural de Porto Nacional – TO; e Denílson Castro dos Santos, 30 anos, natural de São Luís.Além das drogas e prisões, os agentes da Superintendência de Repressão ao Narcotráfico apreenderam também três veículos – a carreta e outros dois carros que davam suporte durante o transporte da maconha.
Os quatro suspeitos e todo o material apreendido foram apresentados à imprensa na sede da Senarc, no Bairro de Fátima, em São Luís. A polícia estima que a apreensão gerou um prejuízo de pouco mais de R$ 5 milhões ao crime organizado.
Em todo o ano, a polícia conseguiu tirar das ruas sete toneladas de entorpecentes.


Com informações do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário