sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

BARRA DO CORDA: Assassino confessa que matou o professor Agnaldo Galvão para roubar dinheiro

Na tarde da quinta-feira (8), o suspeito Adriano foi recambiado para Barra do Corda, onde prestou interrogatório e confessou com riqueza de detalhes o assassinato do professor Agnaldo, pessoa muito querida nessa cidade, razão pela qual sua morte causou grande repercussão.
 
Adriano disse que cometeu o crime para roubar a vitima e que o fez em companhia de um menor de idade, E.P.C. 17anos, que é seu ex cunhado.
 
O menor foi ouvido hoje pela manhã e negou participação direta no latrocínio, mas confirmou que Adriano, três dias antes do crime, o convidou para roubar a vítima, pois esse tinha muito dinheiro.
  O menor ainda confessou que estava na casa junto de Adriano e Agnaldo, onde ficaram bebendo cerveja na sala e depois, segundo o menor, Adriano sozinho teria executado Agnaldo no quarto, tendo ambos saído da casa em seguida e depois Adriano teria ofertado $500,00 reais do dinheiro roubado da vítima a esse menor para ele não contar nada do que ocorreu.
 
  As investigações agora seguem para se apurar o cabal envolvimento desse menor, já que Adriano afirma veemente que o mesmo ajudou diretamente na execução do professor, inclusive desferido algumas das facadas que vitimaram o mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário