quinta-feira, 5 de outubro de 2017

TRAGÉDIA: Homem esfaqueia três irmãos grajauenses em MG dois morrem e a outra é socorrida

Um homem armado com uma faca foi até o apartamento 105 do prédio no Bairro Caiçaras em Patos de Minas/MG e passou a esfaquear os três irmãos. A Polícia Militar esteve no local do crime. Abner Calebe e Raab morreram e Damaris foi levada ao Hospital pelo SAMU, os três são irmãos seus familiares moram aqui em Grajaú, conhecidos como família do Mineirinho, eles são filhos de Francisca Romana  diretora da escola evangélica Dinalva Barros, que fica por trás da Assembléia de Deus.

Segundo testemunhas, o autor do homicídio tem uma filha pequena com uma das vitimas. A menina não estava na casa. As vitimas estavam estudando em Patos de Minas.

A informação é que o rapaz fazia engenharia elétrica, a segunda vítima fatal cursava psicologia e a garota que foi socorrida está cursando engenharia ambiental.

ACUSADO SE ENTREGA E CONFESSA O CRIME DIZENDO QUE FARIA DE NOVO

Ele confessou com riqueza de detalhes o triplo esfaqueamento sem mostrar qualquer arrependimento afirmando que faria tudo novamente. É de causar espanto! O jovem que matou a ex-mulher e seu irmão e ainda deixou a irmã gravemente ferida se entregou na delegacia logo após o crime no início da madrugada desta quinta-feira (05).
O jovem que é natural de Brasília disse que chegou a amolar a faca antes de ir até a casa da ex-companheira.

Pedro Queiroz Gonçalves, 29 anos, é o nome do autor deste brutal assassinato. De forma natural, ele concedeu entrevista ao Site Patos Hoje e confessou com riqueza de detalhes o bárbaro crime. Ele disse que já foi até o apartamento das vítimas com intenção de matar. “Eu amolei a faca antes. Eu bebi apenas Ypioca, mas estou sóbrio”, contou. Em seguida, ele disse que não estava arrependido e que faria tudo de novo e com mais pessoas se precisasse.

Pedro contou que enviou uma mensagem para a ex e foi até a casa dela na Rua Pedro Cunha, Bairro Caiçaras. Ela o recebeu na entrada do prédio. Pedro relatou então que ela começou a mentir e ele então a esfaqueou por diversas vezes, não sabendo dizer quantos golpes desferiu. Ele ainda contou que rasgou as roupas da vítima. “Rasguei o sutiã, a calcinha. Ela ficou pelada”, informou.

Em seguida, a irmã dela desceu das escadas gritando com ele e ele partiu para cima dela. De acordo com os policiais, ela estava com vários ferimentos nas costas. Após esfaqueá-la, ele subiu até o apartamento onde estava o terceiro irmão e o surpreendeu no quarto. Os policiais informaram que ele foi encontrado agachado no quarto, como se estivesse tentando se defender dos esfaqueamentos.

Após o triplo esfaqueamento, ele entrou em seu Ford/Fiesta e foi direto para a delegacia aonde já chegou falando que havia matado. Quando questionado porque teria também matado o irmão dela no quarto, ele disse mostrando nenhum arrependimento: “Já tinha matado duas, porque não mais um?” E para deixar a situação ainda mais bárbara, ele também confessou que ligou para os pais das vítimas em Grajaú/Maranhão relatando o que havia feito.

Pedro está preso e deve responder pelos crimes no Presídio Sebastião Satiro. Ele disse que o crime foi motivado porque a companheira havia o traído, mas se era ex-mulher, não tinha como ser traído tendo em vista que nada mais tinham um com o outro. “Eu tenho provas disso”, disse ele. A perícia técnica da Polícia Civil foi até o imóvel para verificar como tudo teria acontecido. A Polícia Militar apreendeu a faca usada no crime. Ela estava toda dobrada e ainda manchada com o sangue das vítimas. 


Ainda na madrugada desta quinta-feira (05) o De Olho em Grajaú entrou em contato com a família, a prima das vitimas disse que a mais nova Damaris saiu do Centro Cirúrgico e já esta fora de perigo a jovem teve o baço e fígado perfurado, mas, está bem a família está toda em choque na cidade, devido o ocorrido. Em um dos videos postado abaixo o homem conta como matou os dois e furou a terceira. 
De Olho em Grajau

Nenhum comentário:

Postar um comentário