segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Negócio Certo Rural chega a São Domingos

Parceria entre Sebrae e Senar irá capacitar produtores de abacaxi em São Domingos do Maranhão.


São Domingos do Maranhão - O Sebrae, por meio da Unidade Regional de Presidente Dutra, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), deu início a duas turmas do Programa Negócio Certo Rural (NCR), em São Domingos do Maranhão. A ação beneficiará 30 famílias de produtores de abacaxi do município. As aulas acontecem no Sindicato dos Produtores Rurais do munícipio, com previsão de término em outubro.

Interessado em aprender novas técnicas, Josenir da Silva, 44 anos, produtor de abacaxi há 10 anos, é um dos integrantes de uma das turmas. Utilizando apenas uma área de um hectare e meio, ele tem uma produção de 30 mil frutos ao ano, com aproveitamento de 90% na comercialização do produto.

"Esse ano a estiagem atrapalhou a produção e deixou nosso produto com um preço muito abaixo do mercado. Estou confiante que participando desse programa irei melhorar a produção e ter melhores resultados para o próximo ano", relata o produtor.

A chegada do NCR em São Domingos é uma das ações resultantes da consultoria realizada pelo Sebrae no município e o cumprimento do compromisso assumido pelo diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins, em recente visita realizada no município em julho deste ano. Na ocasião, ele esteve reunido com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de São Domingos, Astolfo Seabra e produtores de abacaxi, conhecendo melhor como a forma de produção do fruto na região.

Para o presidente do sindicato, Astolfo Seabra, há a necessidade de dar maior visibilidade a produção de abacaxi no município. Ele afirmou que o município não é conhecido como grande produtor de abacaxi no Maranhão, assim como Turiaçu, por conta da falta de visibilidade e organização dos produtores de São Domingos no mercado. “Dados mostram que o município de São Domingos é a 4ª cidade do Nordeste e 13ª do Brasil em produção, com 1.500 produtores trabalhando em aproximadamente 1.400 hectares de abacaxi plantado”, disse Seabra.

Hoje, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), oficialmente o Maranhão produz cerca de 40 milhões de frutos de abacaxi anualmente, mas este volume já chegou a ser de mais de 45 milhões de frutos por ano em todo o estado.

Segundo José Noleto, a necessidade de melhorias na forma da produção de abacaxi para chegar ao mercado, fez com que a unidade do Sebrae em Presidente Dutra fosse demandada pela prefeitura municipal, no início deste ano, para realizar uma consultoria sobre o produto, detectando o potencial da produção, com intuito de ajudar na comercialização.

"Uma cadeia produtiva que já movimenta um número significativo de recursos financeiros, mas que através de uma avaliação de um estudo inicial, percebemos que existem possibilidades reais de melhorias no uso de tecnologias de produção, na logística, na redução de custos ao longo desta cadeia e o Programa Negócio Certo Rural vem justamente para atender essa demanda, pois irão ter um melhor gerenciamento e uma visão geral para que eles saibam que são empresários rurais e que precisam ter todos os controles necessários para um bom rendimento de seus negócios”, afirmou Noleto.

NCR

O NCR é voltado para pequenos produtores rurais e suas famílias, com a proposta de ensinar ferramentas simples de gestão, onde eles irão aprender a desenvolver e melhor administrar sua propriedade rural. Todo o curso tem duração de 46 horas, sendo 40 horas em sala de aula e 6 horas de consultoria na propriedade individualmente.

O Programa já está sendo desenvolvido em todo estado do Maranhão e cada vez mais vem melhorando seus resultados e trazendo uma qualidade de vida melhor aos produtores e seus familiares. Um investimento de aproximadamente 1,5 milhões de reais para se reverter em resultados para as famílias e produtores atendidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário