domingo, 11 de agosto de 2019

Mais de R$ 47 milhões são investidos em obras do Programa Escola Digna

A implantação de novas construções e os projetos educacionais em andamento no âmbito do Programa Escola Digna já alcançaram, em 2019, mais de cem comunidades no Estado. O investimento do Governo do Maranhão para realizar a substituição de estruturas precárias por uma escola nova já ultrapassa os R$ 47 milhões, alcançando todas as regiões.

Estudantes comemoram obras realizadas pelo Programa Escola Digna (Foto: Janaína Amorim)
O programa é uma parceria entre as Secretarias de Infraestrutura (Sinfra) e Educação (Seduc). Para garantir que isso seja possível, as equipes fazem o mapeamento das áreas e das necessidades de cada comunidade, até que a obra inicie suas etapas de construção e sejam finalmente inauguradas, servindo a comunidade.

Para Clayton Noleto, secretário de Estado da Infraestrutura, as equipes de engenharia da Sinfra têm se empenhado para garantir a qualidade em cada obra concluída e entregue. Ainda segundo o secretário, são mais de 35 prédios em andamento no Maranhão.

“Isso é a marca de um governo que realmente se preocupa com o cidadão. O investimento do governador Flávio Dino na educação tem sido algo revolucionário no nosso Estado. Eu tenho muito orgulho de cada projeto educacional que a nossa secretaria executa, pois eu sei que a educação abre portas para mudar qualquer realidade”, enfatizou.

Obras concluídas

Mais onze municípios já estão com obras finalizadas. Os povoados que fazem parte de Bom Jardim, Serrano do Maranhão, Turiaçu, Santa Quitéria do Maranhão, Marajá do Sena, Vargem Grande, São Roberto, Conceição Lago-Açu e Penalva vão receber uma unidade.

Em Presidente Juscelino, os povoados de Sangrador e Vila Nova irão receber uma escola de quatro salas de aula em cada localidade. Em Marajá do Sena, os povoados Jurema e Campo Seco também serão beneficiados, ambos com uma escola de quatro salas para atender a comunidade estudantil de cada comunidade.

Entregas

Nesta semana, o Governo realizou a entrega de quatro novos equipamentos na área da educação na Região Tocantina. Açailândia tem agora o primeiro Centro de Ensino Integral e conta com uma estrutura completa. São salas de descanso, grêmio, matemática, sala multifuncional, de recursos audiovisuais e laboratórios.

Outras três cidades também receberam investimentos na educação. Senador La Rocque recebeu obras de construção da nova sede do Centro de Ensino Salomão Cury-Rad. A população de Campestre recebeu o Centro de Ensino Valentim da Silva Aguiar com uma nova estrutura. A comunidade escolar esperava pela reforma do prédio há 30 anos. Em São Pedro dos Crentes, a comunidade estudantil recebeu a revitalização do Centro de Ensino Pastor João Jonas, garantindo um ambiente confortável para alunos e professores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário