sexta-feira, 29 de março de 2019

VEJA AQUI!! Após decisão do Juiz Elias Queiroga, Polícia Civil e Militar prendem os responsáveis pelas mortes dos barra-cordenses Geová Palma e Magno Sousa no ano de 1999

A Polícia Civil de Barra do Corda, coordenada pelo Del Regional Renilto Ferreira e equipe de capturas, com apoio da Polícia Militar, realizou na data de hoje uma operação para cumprir três mandado de prisão em desfavor de JOSÉ MATIAS ISAC GUAJAJARA, VALDEMIR TOMÁS GUAJAJARA e ARGEMIRO GUAJAJARA.

As prisões foram decretadas pelo Juiz Dr Antônio Elias de Queiroga Filho em sentença condenatória dos réus acima citados pelo crime de latrocínio praticado no ano de 1999 contra as vítimas GEOVÁ ALVES PALMA e MAGNO AUGUSTO ARAÚJO DE SOUSA.

As vítimas eram de Barra do Corda e estava trafegando pela BR 226, vindo do estado do Tocantins, quando foram abordadas pelos autores que estavam protestando por causa do atropelamento de um indígena, tendo então as vítimas sido torturadas, tido seus pertences e valores que traziam consigo roubados e por fim foram assassinadas com requintes de crueldade.

Na sentença condenatória o digníssimo magistrado atribuiu uma pena de 47 anos e 06 meses de prisão a cada envolvido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário