segunda-feira, 10 de julho de 2017

Mais Asfalto gera emprego e renda para moradores de Viana

Desde o início do mês equipes da secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) realizam intervenções por meio do Mais Asfalto Vias Urbanas em Viana, na Baixada Maranhense. A chegada do asfalto melhora a trafegabilidade urbana, e, também, gera emprego e renda para os moradores. Além dos 19 colaboradores, mais 10 pessoas foram contratados pela Prefeitura para realizar os serviços de recapeamento asfáltico e tapa-buracos.

Os serviços contemplam a restauração de seis de ruas e avenidas. Para Manoel Costa, 67, o asfaltamento é sinal de liberdade. “Antes não se podia sair daqui, e, agora, vamos poder pelo menos caminhar sem tropeçar em buracos”, descreve.

Antônio Mendes, 50, mora desde que nasceu na rua do Cajá, bairro Mutirão, e destaca a alegria em ver a via recuperada. “Estava cheio de buracos aí e estava muito ruim mesmo até para pedestre. Agora vamos poder fazer as atividades do dia com mais comodidade”, comemora.

O caminhoneiro Antônio José, 51, revela que por causa da falta de manutenção nas ruas seu carro ia constantemente para a revisão. Agora, ele espera que essa situação melhore. “Espero que não precise mais ir toda semana na oficina porque isso é prejuízo, a gente tira de onde não tem para arrumar nosso carro que é nosso ganha pão” disse.

Mais Asfalto

Nesta nova etapa do Mais Asfalto Vias Urbanas, o Governo do Maranhão está investindo R$ 170 mi na recuperação de ruas em 100 municípios. As intervenções começaram, simultaneamente, em 12 municípios e para o secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, o trabalho de restauração das vias vai além da melhoria na mobilidade urbana das cidades.

“O Mais Asfalto Vias Urbanas é um trabalho contínuo da gestão do governador Flávio Dino. Desde 2015 já restauramos 1.300 km de vias em todas as regiões maranhenses. Nesta nova etapa, vamos alcançar mais 100 municípios. As equipes estão trabalhando em todas as regiões ao mesmo tempo, e embora não seja de total responsabilidade do governo, sabemos da necessidade do asfalto até para o acesso a serviços como saúde e segurança”, disse Noleto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário