sexta-feira, 7 de julho de 2017

A SERVIÇO DA CORRUPÇÃO! João Alberto e Roberto Rocha votaram pelo arquivamento de processo contra Aécio no Conselho de Ética




Resultado de imagem para joão alberto e roberto rocha

João Alberto (PMDB/MA) e Roberto Rocha (PSB/MA) estão entre os 12 senadores que votaram pelo arquivamento do processo contra Aécio Neves no Conselho de Ética. Apenas 4 senadores que compõem o conselho votaram pela condenação do senador. No mês passado, Alberto já havia arquivado monocraticamente a representação, mas teve que coloca-la para votação do plenário.

Quem também votou a favor de Aécio foi o senador Roberto Rocha. Além de Rocha, outros dois senadores fazem parte do Conselho de Ética são do PSB, mas somente Rocha votou pelo arquivamento do processo.

Aécio Neves (PSDB-MG) é investigado pelos R$ 2 milhões que o senador teria pedido à JBS.

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) lamentou o resultado e afirmou que há um acordão entre os grandes partidos para salvar os seus. Ele comparou o caso Aécio, que mantém-se relevante no cenário político, com o caso Delcídio Amaral, que era do PT, foi preso e cassado por unanimidade por seus pares no Conselho de Ética no ano passado.

— Saio daqui muito pessimista. Me parece que há dois tipos de julgamento: um contra aqueles que não têm poder político no Senado. Outro contra os que têm maior poder político no Senado. Houve aqui uma troca concreta de favores entre grandes partidos — disse Randolfe. (Com informações de O Globo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário