segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Noite poética marca o lançamento dos livros "Rio Conjugal" e "O Estreito de Éden" do poeta e historiador Kissyan Castro

A noite do sábado (9) foi de muita poesia na Academia Barra-Cordense de Letras, com o lançamento dos livros "Rio Conjugal" e  "O Estreito de Éden", do poeta e historiador Kissyan Castro.

O evento foi aberto pelo primeiro vice-presidente da Academia Barra-Cordense de Letras, Dorgival Castro, representante do presidente Eurico Arruda.

Antes de declarar aberto o evento, Dorgival Castro pediu pediu um minuto de silêncio em memória do ex-prefeito Nenzin, destacando o apoio que ele sempre deu à Academia.

Participaram membros do Colégio dos Literatos, que declamaram trechos do poema Rio Conjugal, acadêmicos e representantes da comunidade e dos poderes Executivo e Legislativo municipal. A mestre de cerimônia foi Elisângela Sousa.

O professor e acadêmico Luiz Carlos Rodrigues da Silva fez a apresentação do poeta, lendo uma breve biografia dele. Saudaram o autor dos livros o Superintendente de Articulação Política do Governo do Estado em Barra do Corda, Leocádio Cunha, o promotor Edilson Santana, o presidente da Câmara Municipal, Gil Lopes, o vereador Paulim Bandeira e a secretária de Cultura do município Luzia Barroso.

O poeta agradeceu a todos que possibilitaram a realização a realização do evento e aos presentes. Kissyan Castro disse que lançar um livro "é um filho que nasce". A Banda Moisés da Providência Araújo tocou os hinos Nacional, Estadual, Municipal e a Canção Cordina.

Por: Jorge Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário