quinta-feira, 26 de março de 2020

CORONAVÍRUS: Mulher é flagrada usando máscara de garrafa pet no Centro de Codó

Com medo de ser contaminada pelo novo coronavírus, uma codoense, ainda não identificada, foi flagrada indo ao Banco do Brasil usando uma máscara feita de garrafa pet. A imagem foi registrada por um internauta e viralizou nas redes sociais.


Apesar de ser uma uma medida criativa para driblar a escassez de máscaras cirúrgicas nas farmácias de Codó, especialistas afirmam que a ideia não protege contra o Covid-19. De acordo com o médico infectologista Unaí Tupinambás, a máscara de garrafa pet não tem qualquer eficiência na prevenção contra o coronavírus. 

Na rua não precisa deste tipo de paramentação. A máscara de pet não tem eficiência contra o novo coronavírus. O uso de máscaras descartáveis (normais) é feito apenas por pessoas com sintomas respiratórios e trabalhadores da área da saúde, que estão atendendo pessoas infectadas. Nestes casos, outros equipamentos de proteção individual não funcionam. Não há necessidade de usá-las nas ruas”, alertou. Marco Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário