quarta-feira, 9 de dezembro de 2020

R$ 15 MILHÕES: Deputado Josimar de Maranhãozinho é alvo de operação da Polícia Federal

Deputado é alvo da PF por suposto desvio de verba destinada à Covid-19

O deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL) é alvo de mandado de busca e apreensão na manhã desta quarta (9) em uma operação da Polícia Federal que apura o suposto desvio de dinheiro de emendas parlamentares da área da saúde no estado. Estima-se que a fraude pode ter gerado prejuízo de R$ 15 milhões aos cofres públicos desde abril. As informações são do portal G1.

A PF não confirmou o nome do parlamentar ao G1, mas a investigação da PF apontou que um deputado destinou emendas parlamentares para os municípios do interior do Estado do Maranhão, onde tem reduto eleitoral e que, os Fundos Municipais de Saúde, ao receberam os recursos, firmaram contratos fictícios com empresas “de fachada” que pertencem ao político, mas estariam em nome de ‘laranjas’, desviando, assim, o dinheiro público.

Depois, ainda segundo a polícia, essas empresas faziam saques e o dinheiro era entregue ao deputado, no seu escritório regional parlamentar em São Luís.

Deputado federal maranhense é alvo de investigação da PF por desvio de recursos públicos – Jornal Pequeno

Em uma investigação iniciada pela Polícia Federal, há quatro meses, conseguiu-se não apenas constatar os desvios, como também acompanhar os saques e realizar o registro de áudio e vídeo da distribuição dos valores no escritório regional do parlamentar.

O Ministro Ricardo Lewandowski autorizou o cumprimento nesta operação de 27 de mandados de busca e apreensão na cidade de São Luís e no interior do Maranhão, determinando o bloqueio de mais de R$ 6 milhões em patrimônio do parlamentar federal, entre outras medidas diversas da prisão. O G1 procurou a assessoria do parlamentar e aguarda retorno.

POLÍCIA FEDERAL EXPLICA COMO FUNCIONAVA O ESQUEMA 

Segundo apurado pela Polícia Federal, o Deputado Josimar de Maranhãozinho destinou emendas parlamentares, no montante R$ 15 milhões, para os municípios do interior do Estado do Maranhão, seu reduto eleitoral.

Os Fundos Municipais de Saúde, ao receberam os recursos, firmaram contratos fictícios com empresas “de fachada”, pertencentes ao Deputado, que estão em nome de interpostas pessoas, desviando, assim, o dinheiro público.

Posteriormente essas empresas efetuaram saques em espécie e o dinheiro era entregue ao Deputado federal Josimar do Maranhãozinho, no seu escritório regional parlamentar em São Luís.

A TV Globo trouxe as primeiras imagens do dinheiro apreendido no escritório do deputado federal Josimar de Maranhãozinho. No jornal Bom Dia Brasil foram publicadas cenas do montante que está sendo contado pela Polícia Federal.

Confira as imagens: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário